Pages

Subscribe:

Ads 468x60px

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Sonhos, emoções e desapego

Não costumava ser tão fiel aos seus principios
Não costumava olhar a vida de uma forma tão diferente
Procurava ver sempre o lado negativo e nem se quer pensava
No outro lado... Não sabia que toda moeda tem um lado
Oposto que pode ou não ser mostrado quando quisermos.

Vivia em um mundo de sonhos, e se apegava a todos eles
E todos se despegavam dela. Pode não ser o primeiro de todos
Mas sim o primeiro de muitos ela ainda não consegue usar o outro lado
Da moeda, e nem consegue esquecer as feridas de quando ela o usou
Pela primeira vez. Não tenha medo de seus sonhos por mais estranhos
Ou até mesmo assustadores que sejam.

Use toda a dor que está guardada no outro lado da moeda
E renasça como a fenix. Não dê tanta atenção aos seus principios
Aliás será que eles são os principios corretos? Dê tempo ao tempo
E saiba se poupar... Sim, é fácil falar... Mas ao menos pense em tentar
Faça com que seus sonhos se tornem uma extensão de seus desejos
E que os desejos sejam a extensão intensa das emoções.

Passo a passo também pratique o desapego! Pois sem ele não há como voltar
Ele é o passo mais importante que você tem que dar nessa sua jornada
De Sonhos, emoções e desapego. Lembre-se de que vai ser o desapego
Que te fará evoluir. Mas por favor não deixe isto lhe consumir.

Seja uma balança e deixe Acertada a quantidade de cada um
Use somente o que precisar mas se exagerar pode se machucar.
Continue intensa nas ações mas coloque cautela e com isso crie as
Suas prevenções. Afinal toda ação gera uma reação contraria ( ou até mais )
Dependendo da sua intensidade.

Modere-se e deixe as sensações os desejos e o desapego estarem sempre com você
Isso não é um jogo e você não tem o direito de errar e caso erre, é bom lembrar
Que pode ser só a você ou até mesmo as pessoas ao redor que podem se machucar.
Nem tanto ao céu nem tanto ao mar, Nem tanto a terra nem tanto a chuva
Tudo tem de estar em equilibrio perfeito para formar os seus jardins, gramados
Arvores para que perceba, que o seu lado interno é produto das suas ações
E que estamos tentando formar jardins de Sonhos, emoções e desapego.

1 comentários:

Aline Diedrich disse...

Quanta inspiração Will! Você tem talento!

Postar um comentário